Amigos, amigos….música a parte

Oi…eu tenho um blog

“Mas é que se agora
Prá fazer sucesso
Prá vender disco
De protesto
Todo mundo tem
Que reclamar…”
“Eu vou tirar
Meu pé da estrada
E vou entrar também
Nessa jogada
E vamos ver agora
Quem é que vai güentar…

Raul Seixas – “Eu Também Vou Reclamar”

Bem….eu não sou o Lúcio Ribeiro, mas sei também colocar letras pra ilustrar textos, e nada mais do que disponibilizar duas estrofes dessa música irônica do Raulzito para sublinhar a escrita a seguir. Ele que tá certo, não adianta esbravejar, tem que nadar a favor da corrente, pra ver se pega alguma “rebarba”, porque na música não existe moral….por acaso existe um Conselho de Ética de Música Mainstream, ou uma Comissão de Constituição e Justiça do Independente? Ao que eu saiba, até agora, não. Então tem que ser cara-de-pau e se utilizar dos meios, abusar independente de quais os fins.

Diante disso e de muitas leituras bukowskianas, decidi tirar o verbete “vergonha na cara” do meu dicionário e apelar. Que fique claro que eu também quero gozar das regalias da música independente….porque ja tive vários blogues, e alguns até “famosinhos” e nunca me dei conta do instrumento de poder que tenho nas mãos.

Então fica assim, daqui por diante eu quero usufruir dos direitos que eu tenho, porque sou blogueiro de música (o que quer que isso signifique), e por conta de “alguns” favores (elogios a bandas, contatos, resenhas de shows e discos), entrar de graça nos eventos, viajar para o Brasil inteiro cobrindo eventos como o Calango, Jambolada, Goiânia Noise, MADA e Abril Pro-rock, além de ter uma coluna numa revista impressa ou virtual, e quiçá um programa de rádio (que podcast o quê?!? eu sonho alto, tá sabendo?!). Ah, e não esqueçamos que diante disso, estarei divulgando minha banda e ela fará shows, gravará um disco decente….sendo destaque no Tramavirtual.

Pô, eu não sei se fui o primeiro, mas faz uns quatro janeiros que tô publicando textos na world wide web, e convenhamos….tenho que ter algum respaldo né? Eu? Jornalista? Ué…e pra saber escrever precisa ser um? Se todo mundo é canastrão, eu também serei…oras.

E faz assim, se você fizer amizade comigo, não falo mau da tua banda…..bem…só um pouquinho pra não dar na cara…ok?

E que fique claro que faço isso não por amor a música, que isso é balela.

E viva o lobby na mídia independente…..isso sem falar nos conchavos com produtores, além de uma cervejinha, que ninguém é de ferro. 

/ao som de Kinski“Newport”

Anúncios

setembro 6, 2007 Posted by | lobby | 4 Comentários